O testemunho pessoal é um fator determinante para o sucesso de uma conversão. Precisa ser estimulado e auxiliado pela igreja. Muitas igrejas médias/grandes obtém os melhores resultados em Pequenos grupos. Parece lógico. Desenvolvem maior comunhão e possibilidades de servir. O resultado e estímulo são as conversões que ocorrem nos grupos. O discipulado é desenvolvido com maior eficácia.

Blog Paracleto

Thom Rainer escreveu, em 1996, Effective Evangelistic Churches, com as seguintes observações sobre evangelismo no contexto de 576 igrejas nos EUA:

  • Um pequeno número das 576 igrejas se utilizam de eventos especiais para promover evangelismo;
  • 60% das igrejas disseram que eventos evangelísticos não tinham resultados eficazes;
  • Cerca de 70% identificaram a oração como fator primordial ao crescimento evangelístico.
  • Entre 40 e 50% de igrejas em cada categoria de tamanho têm cultos de avivamento regulares efetivos;
  • As igrejas de porte médio apresentam uma proporção maior de batismos.
  • Mais de dois terços das igrejas efetivas em evangelismo tiveram uma freqüência de 100 a 499.
  • Entre as 576 igrejas neste estudo, 242 igrejas (42%) indicou que algum tipo de treinamento contribuiu à efetividade do evangelismo;
  • Pelo menos 60% das igrejas mostrou que visitação aos lares é um método que dá resultado;
  • Apenas 11% das igrejas indicaram que aqueles ministérios de dia de semana…

Ver o post original 119 mais palavras

Anúncios