Entendo que é necessário uma Reforma na liturgia de nossos cultos. A figura do líder deve ser respeitada mas não reverenciada. Os momentos de adoração não podem se transformar em shows pois afastam as pessoas do Alvo que é o Senhor Jesus.
Agora, tem algumas igrejas e líderes que são muito chatos. Não conseguem ver o crescimento pentecostal sem dirigir diversas críticas. Os shows gospel podem atrair multidões se bem usados.
Cabe a cada igreja filtrar as músicas e grupos musicais conforme sua coveniência.
Ocorre que existe muita resistência dos líderes para reordenar seus cultos de oração, aumentar sua atuação na internet, limitar seu tempo de palestra e ampliar a participação de jovens.

Blog Paracleto

A quantidade de músicas Gospel no mercado brasileiro confirma o crescimento das igrejas evangélicas no Brasil mas traz à tona a falta de qualidade teológica de muitas músicas. Versos neológicos podem conter graves  erros teológicos. Portanto, pode ser necessário um recall de algumas músicas gospel convocados pelos pastores, líderes destes cantores e grupos musicais.

O pr. João de Souza comenta em seu blog: 

  • “Quem quer a glória traz a arca”. Mas de que o autor está falando? Da arca da aliança? A arca era uma figura da presença de Deus que foi substituída pela presença direta do próprio Deus através do Espírito Santo. Caso o autor esteja tratando da glória de Deus o erro é ainda pior. Se o autor está aludindo a Davi trazendo a arca; Davi não teve glória alguma; ao contrário despiu-se das roupas da realeza e em casa foi ultrajado e machucado pelas palavras ferinas de sua…

Ver o post original 772 mais palavras

Anúncios