Uma manifestação de paz que começou na Berlim de 1989 e se converteu em um dos maiores festivais de música eletrônica do mundo, reunindo milhares de jovens, terminou em um domingo de dor e luto sem fronteiras. Cerca de 1,5 milhão de pessoas entre 20 e 40 anos de idade se reuniram no sábado para a Love Parade (Desfile do Amor, em inglês), realizada no oeste da Alemanha, na cidade de Duisburg. Um empurra-empurra para entrar na festa,  que tinha um túnel como única forma de acesso, provocou a morte de pelo menos 19 jovens.

Criado em 1989, o festival Loveparade tinha sido forçado a abandonar Berlim, há cerca de uma década, devido à multiplicação dos problemas relacionados com abuso de álcool e drogas durante o festival.

Os organizadores do festival “Loveparade” anunciaram o fim definitivo do evento depois dos incidentes em Duisburg.

A polícia está a investigar as causas do movimento de pânico que provocou 19 mortos e mais de 342 feridos, 45 encontram-se em estado grave.

Até ao momento, apenas 16 vítimas mortais foram identificadas, a maioria são cidadãos estrangeiros.

#paracleto
#Família
G/P
Jair